RSS

Publicações – Acidentes com Tratores Agrícolas

27 jul

A falta de atenção, conscientização e a falta de treinamento tem contribuído para ocorrência dos acidentes com máquinas agrícolas, e tem sido reconhecido pelo próprio acidentado como os grandes responsáveis pelos acidentes, sendo também citada na literatura como um fator muito importante, e assim, julgamos que este é um elemento que realmente deve ser levado em consideração quando se busca prevenir este tipo de acidente. No entanto, em nosso trabalho, se compararmos o item mecanismo da lesão com os referentes à existência ou não de proteção (trator – local de trabalho), e instruções sobre as atividades de operação do trator, podemos afirmar que cursos sobre orientações técnicas e prevenção de acidentes certamente devem ser intensificados e, dispositivos efetivos de segurança na própria máquina devem ser rigorosamente estabelecidos para diminuir a incidência desses graves acidentes.

O que nos chama a atenção nos acidente com tratores, é a gravidade e a quantidade de múltiplas lesões que os acidentados apresentam após a ocorrência do acidente, além disso, muitos vão a óbito sem mesmo terem a possibilidade de serem socorridos a tempo.

Apresentamos alguns casos de acidentados que foram atendidos no hospital da Faculdade de Medicina da Unesp de Botucatu  para exemplificarmos alguns tipos de lesões e suas gravidades. As setas indicam as lesões

A radiografia mostra as fraturas exposta do úmero e a luxação do cotovelo no braço direito e no braço esquerdo fratura do rádio e cúbito, este o operador do trator enroscou a camisa no eixo cardã em movimento e foi tracionado para o eixo.

Neste acidente o ajudante estava sentado na plaina dianteira do trator contando o número de covas e o operador dirigindo o trator ao desviar de um toco o mesmo ergue a plaina e prensa o ajudante na dianteira o trator (encunhamento), causando o esmagamento da 3a vértebra lombar, foi submetido a cirurgia e fixação com parfuso pedicular.

Neste acidente abaixo o operador caiu de cima do trator em função de uma pedra que o mesmo passou por cima e o trator deu um solavanco, caindo na frente do rodado e o mesmo passando por cima do operador teve fratura do púbis e disjunção sacro ilíaca e fratura do ilíaco, segundo os especialistas este tipo de lesão tem um percentual alto de óbitos.

Neste acidente o operador ao trocar o pneu do trator não colocou calços adequados e o macaco não resistiu ao peso da máquina vindo a cair sobre o braço, causando fratura exposta do antebraço e perda do dedo, a foto mostra a pós fixação do antebraço com fixador externo.

São apenas alguns exemplos de muitos que ocorrem no campo e a grande maioria desses acidentes poderiam ter sido evitados se os três cuidados iniciais fossem tomados pelos operadores, Atenção, Conscientização e Treinamento.

Fonte: http://www.diadecampo.com.br

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

 
%d blogueiros gostam disto: